Quem joga? Quem corre por fora? Veja balanço e bastidores dos treinos do São Paulo em Cotia

Após período no CT da base, Tricolor tem time praticamente definido e novas opções

O São Paulo encerrou a concentração de sete dias no CT de Cotia na última quarta-feira com um time titular praticamente definido e novas variações testadas pelo técnico Fernando Diniz para o reinício do Campeonato Paulista.

A principal incógnita durante o período de atividades era sobre a vaga deixada por Antony, vendido ao Ajax, da Holanda, no ataque. Diniz tinha algumas opções: Pablo, Everton, Helinho, Paulinho Boia e Toró.

Após os treinos fechados para a imprensa e um pouco de mistério, a escolha foi por Pablo, modificando pouco a forma como o time atuou nos primeiros jogos da temporada. Isso porque, no começo do ano, Antony não participou das seis primeiras rodadas do Paulistão, e Pablo atuou em praticamente todos eles como titular. Em determinadas ocasiões como centroavante, e em outras pela ponta direita, alternando com Alexandre Pato.

O restante da equipe, porém, não sofreu alterações em relação àquela que vinha atuando. Logo, a escalação que deve estar em campo contra o Bragantino, no Morumbi, na próxima semana tem: Tiago Volpi; Juanfran, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Tchê Tchê, Daniel Alves e Igor Gomes; Pablo, Vitor Bueno e Alexandre Pato.

Liziero como alternativa

Na última quarta-feira, último dia de treinos no CT de Cotia, o volante Tchê Tchê foi poupado das atividades por precaução após uma semana de exercícios com alta carga de intensidade. Para o seu lugar, Fernando Diniz optou por Liziero.

A escolha dá uma ideia do que o treinador pensa caso um de seus principais jogadores não tenha condições de jogo ao longo da temporada. Liziero é polivalente assim como Tchê Tchê e tem como principal característica o passe. No entanto, caso Liziero jogue na mesma posição ocupada por Tchê Tchê (primeiro volante), o São Paulo perderia a força defensiva.

Pensando nisso, Diniz deve recuar Daniel Alves para primeiro volante, enquanto Liziero fica como segundo. Pelo menos foi assim que o clube divulgou a formação da equipe em seu site oficial (veja abaixo). O time perde um pouco da mobilidade na transição entre defesa e meio de campo, mas ganha em poderio defensivo.

Os titulares no treino de quarta-feira: Tiago Volpi; Juanfran, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Daniel Alves, Liziero e Igor Gomes; Pablo, Vitor Bueno e Alexandre Pato.

Reservas correm por fora; veja variações

Além de Liziero, testado no time titular, outros jogadores que não receberam tantas oportunidades neste ano podem aparecer durante a maratona de jogos que o clube terá entre Campeonato Paulista, Brasileiro e Libertadores.

No treino de quarta-feira, quatro jogadores considerados reservas foram observados na equipe titular:

Igor Vinicius – o lateral-direito é a primeira opção para o lugar de Juanfran. Por conta da idade do espanhol (35 anos), Igor Vinicius deve ser utilizado em muitas ocasiões para revezar com o veterano. Ele ainda pode atuar como ponta-direita.

Luan – primeiro volante de ofício, Luan pode dar mais consistência ao setor defensivo e até ser uma opção caso Diniz queira atuar com três zagueiros;

Everton – as principais características do atacante são a velocidade e a experiência em jogar pelos lados do campo. Hoje, Everton é o reserva imediato de Pablo pela ponta direita.

Paulinho Boia – reintegrado ao elenco profissional no retorno aos treinos, o atacante revelado nas categorias de base do São Paulo dá a Fernando Diniz a opção de ter no time as mesmas características que Antony desempenhava. Aos 22 anos, Boia tem velocidade e o drible curto.

Bastidores de Cotia e a reaproximação do elenco

Os sete dias do elenco em Cotia tiveram um balanço positivo para a comissão técnica e pelos próprios jogadores.

Além do foco nos treinos em dois períodos, a delegação pôde se reaproximar. Após três meses de quarentena, toda a comissão e os jogadores perderam um pouco do contato, e a convivência foi vista como produtiva para retomar esse entrosamento dentro e fora de campo.

Nesta quinta-feira, os jogadores estão de folga e retomam os trabalhos na sexta. A partir de agora, as atividades serão realizadas no CT da Barra Funda, sem o regime de concentração e seguindo todos os protocolos de saúde devido à pandemia do novo coronavírus, que ainda segue impondo diversas restrições no Estado de São Paulo.

Por André Hernan, Eduardo Rodrigues e Marcelo Hazan — São Paulo

FOTOS independente

Tatuagens

Tatuagens

Das Antigas

Torcida Independente
Torcida Independente