Nota Oficial: Resposta ao pedido de punição.

A Torcida Independente está prestes a completar meio século.
2021 serão 49 anos de história. Uma entidade que já faz parte da cultura do futebol paulista e brasileiro.
Por um ato isolado de alguns torcedores, as autoridades paulistas querem punir toda nossa trajetória esportiva, social e cívica.

Perguntamos:
Quando algum policial, militar, civil, militar, cometeu um ato ilícito, as corporações as quais pertencem, são fechadas ou punidas?

Quando magistrados e promotores, apresentam algum desvio de conduta, tribunais e MPs são fechados ou punidos?

O nosso ponto de justiça é: ao não ter responsabilidade direta com ações que estão em desacordo com lei, não se pode punir a entidade, como um todo, mas sim, os envolvidos.
Resumindo: puna-se o CPF, não o CNPJ.
Tal arbitrariedade impõe uma censura ditatorial, a milhares de torcedores organizados, homens, mulheres, crianças.
Atinge nosso departamento social que, durante a pandemia, protegeu, alimentou e levou conscientização, para multidões carentes, em bairros de periferia e no centro da cidade.
Que justiça é essa?

A não ser injusta.
Estamos sempre à disposição de todo órgão policial, investigativo e julgador. Nossa história é de luta, nada tememos.
Exigimos também o direito de liberdade de manifestação e expressão, previsto em nossa Constituição Federal. O direito de reunião é associação está na nossa carta magna.
Puna-se o réu, não o meio ao qual faz parte..
Só assim o julgamento será digno e legal.

Até a revogação de tal imposição, anunciamos que não atenderemos nenhuma convocação de qualquer reunião entre entes organizados e autoridades. Se nós querem fora do jogo, não responderemos mais por nossa coletividade. A clandestinidade é sempre pior do que o controle. O segundo semestre dos anos 90 provou isso. Pelo visto, não aprenderam nada.

A Diretoria

FOTOS independente

Pelo Morumbi

Das Antigas

Torcida Independente
Torcida Independente